CHANTE FRANCE

Ocorreu um erro neste gadget
OBRIGADO PELA VISITA

O TEMPO CONTEM A TERNIDADE

CADA DIA NOVA VIDA

Calendario

O Tempo nos conduz a Deus

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A NOSSA PRIMEIRA FUNÇÃO É AGRADECER.



30ª SEMANA DO TEMPO COMUM
Sexta Feira
Fp.1,1-11


Hoje se inicia a leitura do texto da carta de São Paulo aos Filipenses.  Filipos, uma Cidade da Macedônia, foi a primeira Cidade europeia evangelizada por São Paulo, disto nos fala São Lucas nos Atos dos Apóstolos. 
Esta Comunidade mereceu uma Carta muito elogiosa da parte do apóstolo.  Ele a inicia louvando e agradecendo a Deus pela existência e pelo progresso cristão daquela pequena comunidade que ele ali constituiu.

Nós normalmente nos esquecemos de que a primeira função nossa é agradecer.  E não agradecer simplesmente olhando para nós, para os benefícios que recebemos ou para a nossa vida pessoal.  Dilatemos os nossos Corações, agradeçamos a Deus de maneira grande em primeiro lugar, por ter infundido em Jesus a caridade e o desejo de morrer e ressuscitar por nós. 

Agradeçamos a Deus o dom do Seu Espírito que nos concede.  É extraordinário crermos que possuímos já atuante em nós o Espírito de Deus.  Agradeçamos a Deus, pela Sua Igreja que, apesar de tantos percalços, tantos sofrimentos, tantas limitações impostas de fora e sofridas de dentro também, progride e se constitui como tal em todo o mundo. 

Agradeçamos a Deus pelo bem que realiza nos Corações do todos os homens de boa vontade, quer pertençam à Igreja Católica, quer não.  Deus tem o poder de agir diretamente nos Corações de todos os seres humanos e Ele, Deus, é bem maior que a própria Igreja Católica.
 
Nós temos motivos sobejos para agradecer a Deus, depois, num segundo momento, agradeçamos a Deus pelos talentos naturais mas, sobretudo porque nos deu a Graça inestimável de descobrir as riquezas escondidas de Cristo.  Sim, aqueles que me seguem diariamente e diariamente colhem de meus lábios um comentário sobre a Palavra de Deus, podem, se se dedicaram a este exercício com afinco e com perseverança, perceber quanto progrediram no Amor, na Vida em Cristo.  Tudo isto é objeto do nosso sincero agradecimento a Deus.

São Paulo devia ter muitos motivos e muitas coisas para pedir e suplicar, mas no início sempre louva e agradece, porque a generosidade de Deus para conosco é bem maior do que nós mesmos imaginamos.

Eis a mensagem para aqueles que se põem a ler e meditar o início da carta de Paulo aos Filipenses. 
(*)
c/f   Padre Fernando C.Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário